Os licores se reinventam todos os anos pela capacidade de ter uma variedade de sabores incrível. As vendas no Brasil atingem em torno de 7 milhões de litros por ano e apresentam a mais vasta variedade da categoria de destilados, normalmente sendo feito a partir de elixir de ervas. Os dados de venda no mundo são ainda mais surpreendentes: são 230 milhões de litros vendidos ao ano, somente dos cinco mais importantes licores!
Normalmente o produto é comercializado no varejo, local onde os comerciantes conseguem atingir maior público quando trabalha a venda por meio do marketing de experiência. Isso porque os licores podem apresentar uma infinidade de sabores e combinações, todas muito atrativas para o paladar.

b2f5cd65db0a0650fa2f03f780845e57
O licor também é popularmente servido após as refeições como um digestivo, já que contém uma grande quantidade de frutas, ervas e flores em sua composição. Os mais populares para esse momento são os feitos de flor de laranjeira, do tipo Cointreau, que mantém as propriedades da erva na bebida. Mas não se engane: o álcool não tem nada a ver com a digestão, ela se dá somente pela mistura de ervas.
Mesmo assim, o hábito de tomar o destilado após as refeições sobrevive há cinco séculos, provavelmente incentivado pela sua história mística de criação quando era usado como bebida medicinal na Idade Média. Desde então, o licor já foi usado como remédio, tônico e afrodisíaco.